terça-feira, 31 de janeiro de 2012

Glutamina: Essencialmente Perfeita




A glutamina é o aminoácido (aa) mais abundante no organismo, a mior parte é armazenada nos músculos, ainda que quantidades significativas sejam encontradas no cérebro, nos pulmões, no sangue e no fígado. Serve como tijolo para a síntese de proteínas, nucleotídeos (unidades estruturais de RNA e DNA) e outros aa e é a principal fonte de combustível para células do sistema imunológico.


Ela promove a recuperação de pelo menos quatro maneiras: Ela poupa proteína, estimula a formação de glicogênio, protege a imunidade e aumenta a síntese protéica.

Durante o exercício intenso, os músculos liberam glutamina para a corrente sanguínea, o que pode desfalcar as reservas musculares dessa substância em até 34%. Tal redução pode ser problemática, já que a deficiência de glutamina promove degradação e eliminação de tecido muscular. Se, porém, houver glutamina suficiente à disposição, a perda muscular pode ser evitada.

A glutamina também estimula a síntese de glicogênio muscular. Em um estudo foi constatado isso foi comprovado mas não ficou claro como é este mecanismo de ação. Os cientistas teorizam que ou a própria glutamina se converte em glicogênio muscular ou ela bloqueia a decomposição de glicogênio.


Finalmente, a glutamina ajuda a controlar a hidratação das células, ou voluminização celular. Mantido o volume celular, é estimulada a síntese de proteína e freada a sua decomposição.

Portanto, a glutamina favorece todo atleta que quer ter um desempenho exemplar, máxima reparação muscular e perfeita imunidade. A dose recomendada se situa entre 5 e 15 mg/dia.

OBS. IMPORTANTE: a necessidade nutricional é gerada pela demanda/intensidade do exercício físico. Não é porque a dosagem máxima são 15mg/dia que você obrigatoriamente tem de tomá-la. Iniciantes em musculação, indivíduos que só querem uma melhor qualidade de vida, muitas vezes nem tomam 5mg/dia.. tomam 3 ou 2,5 mg/dia.
Outro exemplo importante: uma mulher que levanta 250kg no leg-press necessita de mais glutamina que um homem que levanta 100kg. Portanto, é a intensidade do exercício que gera a demanda nutricional.

Abraços a todos.